Introdução ao Xamanismo e as Viagens do Tambor

"Todos os seres devem ser respeitados, e, preferencialmente, amados."

Gil Nunes

As viagens de tambor, têm a sua origem no xamanismo. A palavra xamã tem a sua origem nas tribos da Sibéria, mas hoje em dia, é utilizada para descrever qualquer prática com origem nas tribos nativas de qualquer parte do mundo.

Embora cada tribo tenha as suas próprias práticas e rituais, algumas coisas são bastante comuns em todo o mundo, como por exemplo o uso do som do tambor.

O papel do xamã nas tribos é de curandeiro e defensor contra ameaças internas e externas. Não é um papel que se escolhe, mas é-se escolhido.

É importante ter consciência de que, o simples facto de, utilizar práticas e rituais do xamanismo não o torna um xamã, mas sim um praticante do xamanismo.

As viagens de tambor têm sempre um propósito. Podem ser usadas para entrar em contacto com o nosso animal de poder,  receber informações sobre como resolver problemas do dia a dia ou buscar esclarecimento sobre escolhas e decisões que se tem em frente.

Objectivos Gerais:

  • Descobrir o seu animal de poder e os seus guias e mestres;

  • Aprender a viajar com o som do Tambor;

  • Adquirir e aprofundar conhecimentos sobre o que é o xamanismo, o seu funcionamento e a sua utilidade no dia a dia.​

Público: Todos os interessados pela temática que queiram aprender a viajar com o som do tambor.

É direccionado para principiantes que pretendem adquirir um conhecimento mais aprofundado sobre o que é o xamanismo.​


Horário da Formação: Sábado ou Domingo - 10:00h – 18:00h

Facilitadora: Anna Maria Ottoson​

Investimento: 60€ - Para garantir o seu lugar é necessário efectivar inscrição no valor de 20€ (esse valor é descontado no valor total; não reembolsável em caso de desistência.)